Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. NOTA DE APOIO - carta sobre a participação de profissionais da Psicologia no Depoimento Especial (DE) de crianças e adolescentes vítimas e testemunhas de violência - CRP09

O Conselho Regional de Psicologia 9ª Região Goiás vem a público demonstrar apoio à carta sobre a participação de profissionais da Psicologia no Depoimento Especial (DE) de crianças e adolescentes vítimas e testemunhas de violência pelo Grupo Permanente de Psicologia Jurídica e Escuta de Crianças (GPPJEC), cujos integrantes são profissionais da Psicologia que atuam na pesquisa e/ou na prática com escuta de crianças no contexto do sistema de Justiça.

De acordo com o grupo, o procedimento de escuta especial realizado com crianças e adolescentes vítimas e testemunhas de violência dentro do contexto do Poder Judiciário é uma realidade no país. Essa prática se aperfeiçoou ao longo dos últimos anos. Segundo aponta a carta, as (os) psicólogas (os) possuem competências técnicas e metodológicas para executar a tarefa, sendo capazes de avaliar o estado emocional da criança, e sinalizar para os juristas os limites e (im) possibilidades que se apresentarem.

Veja aqui a carta na íntegra.